Implante dentário


O que é implante dentário?

O implante dentário é a melhor opção se você necessita repor um, alguns ou até mesmo todos os seus dentes. O implante dentário é uma estrutura feita normalmente de titânio, implantadas no osso maxilar abaixo da gengiva para substituir as raízes dos dentes ausentes da arcada. Uma vez colocado, permite ao dentista montar a nova estrutura dentária.

Por que fazer?

Os implantes dentários são indicados para substituir um ou mais dentes perdidos, através da reabilitação com próteses dentárias. Volte a sorrir com segurança!

Como funciona?

O primeiro passo do tratamento é o diagnóstico por meio de um exame clínico. São tiradas radiografias e uma tomografia também é solicitada ao cliente. A tomografia revela com grande precisão a localização de nervos, a densidade óssea e a espessura e profundidade do osso, permitindo medir com exatidão o espaço para colocação do implante. Com base no resultado desses exames e na necessidade de cada cliente, é desenvolvido um plano de tratamento personalizado.

Quais são os tipos que existem?

Carga imediata

É um procedimento simultâneo, onde ocorre a extração do dente, fixação da estrutura (implante), e colocação do dente provisório. Esse procedimento é recomendável especificamente para dentes anteriores, a fim de preservar o contorno natural da gengiva, que, sem a presença de dente, retrai. Porém, essa carga pode ser utilizada também para dentes posteriores. Em todos os casos, o profissional responsável pelo tratamento fará uma avaliação minuciosa para estudar a possibilidade da utilização desta técnica.

Moça sorrindo, exemplificado os dentes feitos com implante dentário.

Mini implante dentário

É o tipo utilizado para auxiliar na movimentação ortodôntica. Em casos específicos, durante o tratamento ortodôntico, pode haver a necessidade de utilizá-lo para ancorar o aparelho, permitindo uma movimentação local específica. Uma vez que os dentes estãi sendo movimentados e atingem o posicionamento desejado, o mini implante dentário é removido.

Enxerto ósseo

Pode ser feito em conjunto com a estrutura implantada. O enxerto é utilizado quando há uma perda óssea que impossibilite a instalação dos suportes. Os ossos da maxila e mandíbula, de forma geral, são diferentes dependendo da região que está localizado. Cada uma dessas regiões irá reabsorver o osso com maior ou menor intensidade e, por isso, é muito particular a necessidade de cada caso. A causa da perda dentária também influencia na reabsorção.


Entre em contato e agende uma consulta